quarta-feira, 2 de novembro de 2011

A parábola do semeador

Hoje quero deixar para meditação, uma belíssima parábola, onde nos faz ver as pessoas em sua maneira de proceder e viver.


Mateus 13 - A parábola do semeador


(Mateus 13:3b) - Eis que o semeador saiu a semear.


(Mateus 13:4) - E, quando semeava, uma parte da semente caiu ao pé do caminho, e vieram as aves, e comeram-na;


(Mateus 13:5) - E outra parte caiu em pregais, onde não havia terra bastante, e logo nasceu, porque não tinha terra funda;


(Mateus 13:6) - Mas, vindo o sol, queimou-se, e secou-se, porque não tinha raiz.


(Mateus 13:7) - E outra caiu entre espinhos, e os espinhos cresceram e sufocaram-na.


(Mateus 13:8a) - E outra caiu em boa terra, e deu fruto


Hoje acontece o que essa parábola relata, saímos a semear, anunciamos a palavra de Deus;


Quando a semente é lançada a beira do caminho, as pessoas não dão importância, ficam indiferentes.


Quando cai em lugares rochosos, logo nasce, mas por não ter firmeza por não ter raiz logo seca, na verdade são pessoas sem propósitos sem perseverança.


Quando cai entre espinhos ela é sufocada, é quando os prazeres do mundo se tornam mais agradáveis, quando não queremos compromisso.


Mas eu tenho uma ótima notícia, quando a semente cai em boa terra, é quando o coração esta aberto para Deus é quando temos o desejo de conhecer a verdade e por em prática, é quando damos frutos, é quando temos abundância de alegria, amor, carinho, amigos é quando conseguimos por em prática os mandamentos de Jesus:- amar a Deus e amar o próximo.


Que isso possa ser um alerta para sua vida, uma verdade em seu viver.


Fiquem com Deus!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário